segunda-feira, 22 de junho de 2009

♥ Lições Que Aprendi Quando Menino...




Traduzido do título original "Lessons I Learned as a Boy" proferido por Gordon B. Hinckley.
-
--"Nós cantávamos juntos. Nós orávamos juntos. Ouvíamos tranquilamente enquanto nossa mãe lia histórias da Bíblia e do Livro de Mórmon. Papai contava-nos histórias que vinham à sua memória. Eu ainda lembro de uma dessas histórias. Encontrei-a recentemente num livro que ele havia publicado há alguns anos. Escutem-na:

--'Um menino mais velho e seu jovem companheiro estavam caminhando ao longo de uma estrada que conduzia através de um campo. Eles viram um velho casaco e um par de sapatos mal usados de homem à beira da estrada, e, na distância viram o dono que trabalhava no campo. O rapaz mais jovem sugeriu esconder os sapatos, se esconderem e observarem a expressão de surpresa do dono quando ele retornasse. O menino mais velho achou que não seria tão bom. Ele disse que o dono deveria ser um homem muito pobre, ao olhar suas roupas. Então, depois de falarem sobre o assunto, por sua sugestão, eles concluíram que tentariam outra experiência. Em vez de esconder os sapatos, iriam colocar um dólar de prata em cada um e observar o que o dono faria quando ele descobrisse o dinheiro. Então, foi o que eles fizeram. Logo, o homem regressou do campo, colocou seu casaco, calçou um pé em um sapato, sentiu algo duro, levou-o para fora e encontrou um dólar de prata. Maravilha e surpresa [brilharam] de o seu rosto. Ele olhou para o dólar outra vez e outra vez, virou-se e não podia ver ninguém, em seguida, continuou a calçar o outro sapato, para sua grande surpresa ele encontrou outro dólar. Seus sentimentos o tomaram. Ele ajoelhou-se e ofereceu, em voz alta, uma oração de agradecimento no qual ele falou de sua esposa que estava doente e sem esperança e de seus filhos indefesos, sem comida. Ele agradeceu fervorosamente a Deus por esta graça vinda de mãos desconhecidas e evocou bênçãos do céu sobre àqueles que lhe deram a ajuda que precisava. Os rapazes permaneceram escondidos até ele ir embora. Eles tinham sido tocados pela sua oração e sentiram um calor dentro de seus corações. Como saíram à pé pela estrada, um disse ao outro: Então, realmente, você não teve um bom sentimento?'"

- Bryant Stringham Hinckley -
-
(Clique no Título para assistir o Video Legendado).

4 comentários:

Carolina disse...

nossa :D sem noção, acho que uma das coisas que nos proporciona maior bem-estar consigo, e sensação de paz, é fazer o bem a alguém. sem dúvida nenhuma disso. a caridade nunca falha :)

beeijo lindona!

Hellen ツ disse...

Obrigada pelo comentário, Caroool!
Sem dúvida o sentimento que temos ao ajudar alguém é indescritível!
E, a caridade [realmente] nunca falha. Bom seria se todas as pessoas soubessem disso.

Beijão, CCC!
ツ‏

diego disse...

Bah, é bem assim mesmo. Sempre que ajudamos alguém, por menor que seja a ajuda, nos sentimos muito bem. Outro dia eu estava voltando para casa e só ajudei umas pessoas a empurrarem um carro e já me senti tri bem, apesar de ter sido uma ajuda bem simples.
Deve ser porque "a caridade é o puro amor de Cristo", então quando ajudamos alguém estamos sentindo um pouco desse grande amor Dele.

Abração Hellen...
=]

Hellen ツ disse...

Que alegria, Diego!!
Siiim, 'são das pequenas coisas que provém as grandes'.

E, eu sei que 'Nada passa despercebido aos olhos do Criador', todos os atos, cada gesto e, até as boas intenções são anotadas.

:)

Obrigada pelo comentáriio! \o/

ツ‏